Em Clássico Rei histórico, Ceará bate Fortaleza pelo Campeonato Brasileiro

0

Com informações da GAZETA ESPORTIVA – São Paulo, SP 

Foto: Stephan Eilert/cearasc.com

Depois de 26 anos sem se encontrar na Série A, Ceará e Fortaleza disputaram o Clássico Rei neste sábado, no Castelão, e o Alvinegro se deu melhor. O Vozão bateu o Leão por 2 a 1 em confronto válido pela abertura da 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O placar foi todo construído na primeira etapa. Thiago Galhardo e Felippe Cardoso aproveitaram falhas do Tricolor para abrir 2 a 0 com 17 minutos de jogo. A equipe comandada por Rogério Ceni conseguiu diminuir, em cobrança de pênalti de Juninho, no fim da 1ª etapa, mas a reação parou por aí.

Com o resultado, o Ceará subiu para a 9ª colocação com 17 pontos conquistados. A equipe alvinegra ficou provisoriamente três pontos atrás do G6. Já o Fortaleza se manteve provisoriamente na 14ª posição com 14 pontos. A equipe não corre riscos de entrar na zona de rebaixamento nesta rodada, mas pode perder um lugar na tabela caso o Vasco vença o CSA neste domingo

As equipes voltam a campo na próxima rodada, em confrontos válidos pela 14ª do Brasileirão. O Ceará recebe a Chapecoense no sábado, às 17h (horário de Brasília), enquanto o Fortaleza visita o CSA na segunda-feira, às 20h (horário de Brasília).

O jogo – O 1º tempo fez jus a expectativa gerada pelo clássico. Em jogo enérgico e muito disputado, o Ceará conseguiu capitalizar encima dos erros da defesa do Fortaleza para abrir boa vantagem no placar.

Aos 14 minutos, Leandro Carvalho recebeu de Fabinho na área, foi para o fundo e achou Thiago Galhardo livre na pequena área, após erro crasso de marcação da defesa tricolor. O atacante só teve o trabalho de empurrar a bola para as redes.

Aproveitando o clima de festa no estádio após o primeiro tempo e a desatenção dos tricolores. o Vozão rapidamente ampliou o marcador. Aos 16 minutos, após cobrança de escanteio de Ricardinho, Felippe Cardoso subiu antes que todo mundo para marcar o segundo de cabeça.

Precisando correr atrás do placar, a já ofensiva equipe de Rogério Ceni se lançou ainda mais para frente. A estratégia funcionou quando André Luiz foi derrubado por Luiz Otávio e Heber Roberto Lopes assinalou pênalti polêmico após consulta do VAR. Na cobrança, Juninho bateu firme no lado esquerdo e diminuiu a vantagem.

Na segunda etapa, os ânimos se acalmaram um pouco mais, mas o Fortaleza seguiu em busca do gol de empate. A principal chance veio aos 10 minutos, quando Romarinho acionou André Luis com precisão em profundidade, o atacante ficou livre na cara do gol mas bateu encima de Diogo Silva. Aos 34, Carlinhos recebeu cruzamento de Mariano Vázquez e testou firme para grande defesa do arqueiro rival.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 2×1 FORTALEZA

Local: Estádio Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 03 de agosto de 2019, sábado
Horário: 19h (Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro e Éder Alexandre (SC)
VAR: Grazianni Maciel Rocha (RJ), auxiliado por Dyorgines José Padovani (ES) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Cartões Amarelos: Valdo, Samuel Xavier e Wescley (Ceará); Carlinhos (Fortaleza)
Cartões Vermelhos: Carlinhos (Fortaleza)
Gols: Thiago Galhardo, aos 14 minutos do 1º tempo, e Felippe Cardoso, aos 17 minutos do 1º tempo, para o Ceará; Juninho, aos 46 minutos do 1º tempo, para o Fortaleza

CEARÁ: Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas; Fabinho, Ricardinho e Lima (Fernando Sobral); Thiago Galhardo (Pedro Ken), Felippe Cardoso e Leandro Caravalho (Wescley)
Técnico: Enderson Moreira

FORTALEZA: Felipe Alves; Tinga, Quintero, Roger Carvalho e Carlinhos; Felipe, Juninho e Romarinho (Edinho); Osvaldo (Mariano Vázquez), André Luis (Kieza) e Wellington Paulista
Técnico: Rogério Ceni

COMENTE ESTE POST...

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui