Após 24 anos, o tradicional mercado municipal Walter Rayol, na avenida Sete de Setembro, Cachoeirinha, zona Sul, será entregue à população totalmente revitalizado. Além dos frequentadores, aproximadamente cem permissionários do espaço serão beneficiados em suas atividades diárias com as melhorias realizadas pela Prefeitura de Manaus. A obra está com 85% dos serviços concluídos e tem previsão de entrega para outubro.

“A revitalização do mercado Walter Rayol se junta a outras duas obras importantes em mercados históricos de Manaus, o Adolpho Lisboa, entregue ainda no início da minha segunda gestão, em 2013, e o Cunha Mello, entregue neste ano. Isso demonstra a intenção de valorizar as pessoas que trabalham e frequentam esses espaços, para realizar suas compras diárias”, destacou o prefeito Arthur Virgílio Neto.

Em uma área superior a 2 mil metros quadrados, distribuídos em três pavilhões, a revitalização do mercado Walter Rayol avança e dá uma nova cara ao espaço comercial. Os serviços no pavilhão três já estão finalizados. No pavilhão dois, as melhorias estão em fase final. E, no pavilhão um, estão em execução os trabalhos de troca de telhas, instalações elétricas e hidrossanitárias e nova cobertura da área administrativa, localizada no pavimento superior.

O mercado foi adaptado com acessibilidade e banheiros adequados para Pessoas com Deficiência (PcD), além de boxes ampliados e a construção de duas praças de alimentação, como opção para o público que realizar suas compras no local. As modificações e ampliações foram projetadas pela Comissão Especial de Paisagismo e Urbanismo, presidida pela primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro, e favorecem para atrair novos clientes.

“Não é só uma reforma, mas uma revitalização, tanto dos serviços quanto dos procedimentos do mercado Walter Rayol. Mais um mercado tradicional da cidade de Manaus que a prefeitura, na gestão do prefeito Arthur, resgata. O mercado ganha, agora, ambiente muito mais agradável para os permissionários e para a população. Tudo que uma grande feira tem vamos ter aqui agora para a população frequentar”, ressaltou o titular da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (Semacc), Fábio Albuquerque.

Resgate histórico

O mercado municipal Walter Rayol é um dos mais antigos e tradicionais de Manaus. Inaugurado em 1914, como um barracão de madeira, a ideia era que fosse apenas uma feira. Em 1926, o mercado ficou conhecido como “mercadinho da Cachoeirinha”, ainda nesse ano passou por uma restauração, quando o prédio foi adaptado para receber o grupo escolar Guerreiro Antony.

Em 1927, recebeu a Escola de Aprendizes Artífices do Amazonas, que oferecia cursos primários de desenho e oficinas de alfaiataria, marcenaria, tipografia, sapataria, mecânica e ferreiro. Em 1965, o prédio foi desapropriado e, após reforma, voltou a ser o mercado Walter Rayol.

A última reforma aconteceu em 1996, há 24 anos, revitalização que era aguardada por permissionários como Antônio Costa, 59. “Estou esperando essa reforma há quase 30 anos, que é o tempo que estou aqui. Eu trabalho em banca, não é tão confortável. Agora, com essa reforma está tudo bonito e tem tudo para ficar melhor. Vai ficar bom para a gente e para os clientes que vão vir comprar”, disse.

Quem também aguardava pela revitalização do mercado era Carlos Barbosa, 68, que trabalha no local há 35 anos vendendo frutas e verduras. “Vai ser um benefício muito grande para nós permissionários, que trabalhamos há muito tempo aqui e que nunca tivemos uma obra como essa. E também para os consumidores que reclamavam das condições que tínhamos aqui antes”, mencionou.

— — —
Texto – Fábio Leite / Semcom com informações da Semacc
Fotos – Márcio James / Semcom